Assinatura RSS

Participe! VII Prêmio Arthur Bispo do Rosário – CRP SP

Publicado em

Caso não esteja visualizando este e-mail, clique aqui

Image

Organizado pelo CRP SP, prêmio Bispo do Rosário destaca produção artística de usuários dos serviços de saúde mental

Mesmo em condições adversas de violência e exclusão, a arte mobiliza e transforma. A história de vida do sergipano Arthur Bispo do Rosário que, diagnosticado como esquizofrênico, viveu por 50 anos internado em clínicas psiquiátricas é uma prova disso.
Durante os 25 anos ininterruptos que passou sem sair do manicômio, produziu 804 obras. É considerado um artista de vanguarda, criador de objetos tridimensionais e precursor do que viria se chamar instalação. Suas obras já foram expostas em grandes museus do Brasil e do mundo. 

A história desse artista, que demonstrou toda a capacidade criadora do ser humano, motivou a criação do Prêmio Arthur Bispo do Rosário, organizado pelo CRP SP, e que em 2014, chega à sua sétima edição. 

O Prêmio tem como objetivo divulgar o potencial artístico dos usuários de serviços de saúde mental de todo o Estado de São Paulo e conta com seis categorias: 

Esculturas/Instalações;
Pinturas/Ilustrações; 
Fotografias;
Contos, Crônicas e Textos; 
Poesias; 
Vídeos.

Para estimular a participação dos usuários, o CRP SP oferecerá orientações sobre técnicas artísticas por meio de oficinas, organizadas pela sede e pelas subsedes do CRP SP, localizadas no interior do estado de São Paulo. 

A programação completa, assim como informações mais detalhadas sobre o Prêmio e seu regulamento podem ser vistas no site: www.crpsp.org.br/premio/
Informações:
E-mail: eventos03@crpsp.org.br
Telefone: (11) 3061-9494 ramais 356, 334, 355 e 336. 

 

Anúncios

Sobre antimanicomialsp

A Frente Estadual Antimanicomial de São Paulo surgiu do processo de organização da IV Conferencia de Saúde Mental - Intersetorial etapa São Paulo. Onde diversas organização, movimentos, entidades e militantes se uniram e realizaram a Plenária Estadual de Saúde Mental (diante da não convocação por parte do Governo do Estado de São Paulo). A idéia da Frente surgiu dessa experiência de organização da IV Conferência e também diante da conjuntura de rearticulação do setor manicomial e de ataque as conquistas do Sistema Único de Saúde, que exige atividades unificadas entre os mais diversos movimentos e organizações antimanicomiais. Visando aglutinar forças para defender a Reforma Psiquiátrica Antimanicomial e o SUS.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: